Sabe como prevenir a irritação da pele após o barbear?

Sabe como prevenir a irritação da pele após o barbear

Pele vermelha e reativa na cara e no pescoço. Vontade incontrolável de coçar esta zona. A irritação após o barbear é incomodativa, nalguns casos dolorosa, para além de não ser nada estética. Uma pele irritada é também mais propensa a desenvolver pelos encravados.

Mesmo que o barbear tenha sido perfeito, utilizando as máquinas e lâminas adequadas, existem sempre micro lesões. Afinal trata-se de uma peça de metal afiada que passa, várias vezes, na pele do rosto e pescoço.

 

Cuidados para prevenir a irritação após o barbear

Não basta uma lâmina, ou um creme qualquer. Muito menos, apenas água e sabão. Não faça isso à sua pele. Existem alguns cuidados antes e após colocar a lâmina no rosto que vão ajudar a reduzir a inflamação.

Banho quente para abrir os poros

A água quente vai permitir suavizar a pele e abrir os folículos pilosos. O barbear deve ser realizado com os pelos da barba molhados, de preferência utilizando um creme próprio – como falaremos mais adiante. Os fios da barba molhados ficam menos rígidos, o que facilita o seu corte.

Exfoliação

É preciso preparar a pele para o barbear. Os pelos encravados formam-se porque os fios da barba não conseguem furar a cama externa da pele e enrolam-se, provocando assim as inflamações.

Os homens com cabelo encaracolado ou barba negra, têm maior tendência a desenvolverem foliculites, portanto, especial atenção!

O efeito da exfoliação vai permitir remover as células mortas e soltar os fios da barba. Mais ainda, eliminar esta camada vai ajudar a alcançar um barbear perfeito, uma vez que a lâmina consegue cortar o pelo mais próximo da sua base.

Hidratação com os produtos certos

Outro aspeto muito importante, são os cremes para barbear.

Proteger a pele para a entrada em contacto com a lâmina ajuda a prevenir a irritação após o barbear, sobretudo nos homens com peles mais sensíveis.

Ao barbear, as células localizadas na camada mais exterior da pele são removidas, bem como os lípidos responsáveis pela sua hidratação. Um creme de barbear deve proporcionar suavidade no corte.

Basta espalhar uma pequena quantidade em movimentos circulares. A pele fica mais suave, bem como os pelos. O corte não será tão penoso e a pele após o barbear vai respirar saúde.

Escolher as máquinas e lâminas de barbear adequadas

Para um resultado de precisão, evitando banhos de sangue, é necessário escolher lâminas de qualidade, que permitam ainda um barbear duradouro.

Máquinas de barbear contemporâneas ou clássicas com estilo retro. Ou talvez prefira navalhas. O mais importante é manter as lâminas limpas e trocá-las frequentemente (4 a 5 utilizações no máximo).

Manter bons cuidados de higiene, passando álcool nas lâminas após a sua utilização, é essencial para impedir que as bactérias encontrem o local perfeito para se reproduzirem. E assim, causarem irritações na pele e pescoço.

Hidratar e renovar a pele

O ato de barbear não deixa de ser um pouco agressivo. A pele fica temporariamente sem proteção e mais seca, o que facilita a irritação após o barbear. Deve evitar-se usar produtos que contenham álcool ou metanol na sua composição.

Assim, nos cuidados da barba, devem privilegiar-se produtos com substâncias naturais e antisséticas que auxiliem no rejuvenescimento das células da pele, garantam a sua desinfeção e evitem o desenvolvimento de pelos encravados.

Bálsamos e óleos para a barba vão ajudar a pele a recuperar hidratação, elasticidade e a renovar as suas células. Estes produtos têm ainda um efeito calmante e oferecem proteção extra aos fios da barba, durante todo o dia.

Deixar a barba crescer é uma tendência dos tempos modernos. Mas se a opção for cortar, estes passos vão garantir uma pele sem irritação após o barbear e com aspeto saudável.

Alguns produtos que lhe poderão interessar

ENTREGA GRATUITA
Avaliação 5.00 de 5
 77,90 IVA Incl.
NOVO
Avaliação 4.75 de 5
 18,90 IVA Incl.
Avaliação 5.00 de 5
 39,90 IVA Incl.
Avaliação 4.96 de 5
 7,90 17,90 IVA Incl.

Deixe uma resposta